Burburinho

  • Compartilhe:
Burburinho 25 / 07 / 2016| Anabela Paiva

Campanha para discutir desafios do Rio pós-Jogos será lançada amanhã

Iniciativa reúne 49 entidades do Rio e do Brasil e busca compromisso de candidatos com transparência, planejamento de metas e diálogo com a sociedade civil. Após o lançamento, campanha segue com ações em toda a metrópole durante os Jogos e a campanha eleitoral.

A Campanha #Rio2017 será lançada amanhã, a partir das 17h, no Teatro Rival. A iniciativa é coordenada pela Casa Fluminense e tem a participação do Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade (IETS) e outras 47 organizações, articuladas na produção da Agenda Rio 2017, documento que reúne visão e propostas sobre os caminhos do Rio pós-Jogos. Candidatos a prefeito do Rio e outras cidades, além de vereadores, comprometeram-se a estar presentes para receber o documento.

Fruto de entrevistas, fóruns para formulação de políticas e do levantamento de dados e estudos, a Agenda traz propostas para os principais desafios do Rio nos próximos anos: da mobilidade à Baía de Guanabara; do saneamento à segurança pública; da inovação econômica à ampliação da participação e transparência na gestão.

Promovida por uma rede de organizações com histórico de ação no Rio e no país, a Campanha pretende mobilizar a sociedade para o debate sobre o futuro do Rio. No dia 26, os candidatos a prefeito da capital e outros pré-candidatos às câmaras de vereadores e prefeituras na metrópole serão convidados a comprometer-se publicamente com a Agenda Rio 2017 e a Declaração de Compromisso da Campanha. Isso pressupõe apresentar plano de metas, criar instrumentos de transparência e prestação de contas, com monitoramento público, e manter a interlocução com a sociedade civil nas futuras gestões.

O evento de lançamento da Campanha será também oportunidade para o chamado à implantação local dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. O Programa Cidades Sustentáveis apresentará pela primeira vez no Rio um conjunto de ferramentas concebido especialmente para auxiliar administrações municipais nesta missão. Os ODS são 17 objetivos e 169 metas para enfrentar os principais desafios sociais e ambientais do planeta até 2030. A lista foi referendada pelos países-membros da Organização das Nações Unidas (ONU).

A noite termina em samba, no palco do Rival, com Bira da Vila cantando o grande evento que é a vida cotidiana do cidadão fluminense. O show marcará o encerramento do
encontro e o início de uma série de ações para a disseminação pública das propostas da Campanha #Rio2017.

Campanha #Rio2017

Durante as Olimpíadas, painéis espalhados pelo Rio vão apresentar as propostas dos parceiros em praças públicas. A população vai selecionar metas prioritárias e gravar vídeos com sugestões. Terminados os Jogos, as lentes apontadas para o Rio olímpico serão deslocadas para o Rio inteiro: ativistas de toda a Região Metropolitana vão fazer o percurso Japeri–São Gonçalo de bicicleta, visitando parceiros e espaços coletivos, registrando equipamentos públicos e o cotidiano da cidade no trajeto.

A circulação continua em setembro, com diálogos entre sociedade civil e candidatos às prefeituras e câmaras de vereadores nos demais municípios da metrópole. Organizações de Duque de Caxias, Nova Iguaçu, São Gonçalo e outros vão apresentar suas demandas e cobrar compromissos com a gestão inclusiva e, transparente.

  • Compartilhe:

Mais Burburinho

Parque Madureira não tem data para chegar à avenida Brasil

Prometida por Eduardo Paes para o ano passado, obra depende agora do aval de Marcelo Crivella

CCBB é palco de protesto após episódio de lesbofobia

Visitante acusa namorado de funcionária de discriminação durante ida ao local na última sexta (30)

Que tal aterrar a Lagoa?

Livro reúne soluções mirabolantes já propostas para os problemas de um dos principais cartões-postais do Rio

Ouça as vozes do Rio

Preencha o formulário abaixo para assinar o boletim do VozeRio

Mais sobre Baixada Fluminense

Livro aborda transformações da Baixada Fluminense durante a ditadura

Novo projeto vai mapear subsolo da região metropolitana

Batizado de Geovias Metropolitano, trabalho iniciado nesta sexta (16) será coordenado pela Câmara Metropolitana

Prefeito eleito de Caxias é condenado a 7 anos de prisão por crime ambiental

De acordo com STF, Washington Reis (PMDB) se envolveu na criação de um loteamento ilegal quando era prefeito da cidade

Novo endereço para criar e empreender

Espaço de ’coworking’ Gomeia surge como centro de articulação entre grupos atuantes em cultura na Baixada Fluminense

Mais sobre eleições

Testemunhas contam o que viram de um dos anos mais agitados dos últimos tempos

Os últimos a serem os primeiros

Problemas em candidaturas atrasam resultado do 1º turno em Nova Iguaçu, Itaguaí e Rio Bonito

Câmara municipal ou clube do bolinha?

Número de candidatos é mais que o dobro que o de candidatas nas cinco maiores cidades da região metropolitana do Rio

"A crise pode aumentar o cuidado e o interesse pelo voto", afirma cientista político

Para o professor da UFRJ Jairo Nicolau, crise vivida pelo Brasil pode atrair mais atenção da juventude para a política eleitoral

Mais sobre Casa Fluminense

Perguntamos a alguns participantes do Fórum Rio, que aconteceu este sábado na Pavuna, como eles imaginam o Rio e seus bairros após as Olimpíadas

"Precisamos mudar o CEP do emprego"

Como diminuir as desigualdades gritantes na Região Metropolitana do Rio? No OsteRio desta terça-feira (29/3), um caminho ficou claro: mais centros e oportunidades, menos distâncias e deslocamentos

Fórum Rio discute a cidade pós-Olimpíadas este sábado na Pavuna

No evento, também será lançada a plataforma on-line AgendaRio.org, que servirá de repositório das ideias para melhorar a cidade e a região metropolitana

Curso gratuito vai destrinchar o enigmático mundo das políticas públicas no Rio

Organizado pela Casa Fluminense, ciclo de aulas vai de abril a julho, na Glória; inscrições on-line estão abertas até dia 24/3

Mais sobre Olimpíadas

Espaço em Botafogo dedicado ao jornalismo investigativo planeja reportagens especiais, laboratórios e exposições interativas sobre os impactos dos megaeventos na vida dos brasileiros

O Rio não é só futebol

Ensino e prática de modalidades esportivas pouco comuns entre os brasileiros — como beisebol e badminton — se espalham pela região metropolitana

Memórias olímpicas para o futuro

Projeto da Fundação Casa de Rui Barbosa reunirá documentos para contar a história da Rio 2016
Realização:
Iets
Patrocínio:
Universeg
Apoio:
Biblioteca Parque Estadual Biblioteca Parque Estadual
 
Licença Creative Commons
Desenvolvido em SPIP pela Calepino