Burburinho

  • Compartilhe:
Burburinho 18 / 05 / 2015| Julia Meneses

Hip-hop finlandês no beat brasileiro

Cantor Paleface vai ministrar oficina esta quarta-feira (20/5) no conjunto habitacional Valdariosa, na Baixada Fluminense

Inspiração para rappers brasileiros, o hip hop tem como um de suas bases principais o ’beat’ — quando a mistura de sons de vários instrumentos cria a base rítmica da música. Na próxima quarta (20/5), 25 jovens rappers poderão aprimorar justamente a técnica do ’beatmaking’ com o cantor de hip-hop finlandês Paleface em Queimados, no conjunto habitacional Valdariosa.

O encontro reúne ainda, entre outros músicos escandinavos, o ator e também músico Joonas Saartamo — o Jonde —, que em seguida promoverá um workshop de improvisação. Além de jovens de Queimados, o encontro também vai receber jovens de Comendador Soares, Mesquita e do Morro Agudo.

“Curti o som deles na primeira visita aqui em Valdariosa e não vejo a hora de repetir a dose de mostrar nossa arte e duelar com rappers famosos”, diz Kaique Diniz, integrante do grupo Roda de Rima, que realiza batalhas de rap na região.

A iniciativa é parte do projeto de cooperação cultural Finlândia-Brasil, liderado pelo DJ, baterista e produtor cultural Tommi Suoknuuti e contou com o apoio do rapper brasileiro Marcelo Yuka. Antigo admirador da música finlandesa, Yuka articulou diversas incursões musicais para o grupo, entre elas, uma na Cidade de Deus, no domingo, 17 de maio. O conteúdo desse intercâmbio, assim como o resultante de um tour cultural pelo Rio, das favelas à Lapa, dará origem a uma minissérie para a TV finlandesa, com cinco capítulos de dez minutos. “A ideia é contar, através do olhar de cada um de nós, músicos finlandeses, a experiência musical nas favelas, nos projetos sociais da cidade e na noite carioca”, conta Paleface.

As oficinas em Queimados serão integradas às ações culturais do projeto #MaisValdariosa, de desenvolvimento local do conjunto habitacional Parque Valdariosa, realizado pelo Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade (IETS) em parceria com o Instituto Brasileiro de Análises Sociais e Econômicas (Ibase).

  • Compartilhe:

Mais Burburinho

Parque Madureira não tem data para chegar à avenida Brasil

Prometida por Eduardo Paes para o ano passado, obra depende agora do aval de Marcelo Crivella

CCBB é palco de protesto após episódio de lesbofobia

Visitante acusa namorado de funcionária de discriminação durante ida ao local na última sexta (30)

Que tal aterrar a Lagoa?

Livro reúne soluções mirabolantes já propostas para os problemas de um dos principais cartões-postais do Rio

Ouça as vozes do Rio

Preencha o formulário abaixo para assinar o boletim do VozeRio

Mais sobre cultura

Visitante acusa namorado de funcionária de discriminação durante ida ao local na última sexta (30)

Biblioteca Parque amanhece fechada no Centro

De acordo com Governo do Estado, fechamento é excepcional e prefeitura deve manter espaço aberto em 2017

’Sem cultura é barbárie’

Artistas e gestores pedem que o Governo do Estado não acabe com a Secretaria Estadual de Cultura, e de quebra criticam o município por falta de transparência em Fomento às Artes

Novo endereço para criar e empreender

Espaço de ’coworking’ Gomeia surge como centro de articulação entre grupos atuantes em cultura na Baixada Fluminense

Mais sobre Baixada Fluminense

Livro aborda transformações da Baixada Fluminense durante a ditadura

Novo projeto vai mapear subsolo da região metropolitana

Batizado de Geovias Metropolitano, trabalho iniciado nesta sexta (16) será coordenado pela Câmara Metropolitana

Prefeito eleito de Caxias é condenado a 7 anos de prisão por crime ambiental

De acordo com STF, Washington Reis (PMDB) se envolveu na criação de um loteamento ilegal quando era prefeito da cidade

Sífilis congênita assusta na Baixada Fluminense

Taxa de incidência da doença na região é quase 30 vezes maior que o recomendado por Organização Pan-americana de Saúde

Mais sobre música

Gustavo Coelho é professor da Uerj e estuda pichação, bate-bolas e outros fenômenos cariocas sob o olhar da estética

"A estrutura do carnaval de rua precisa ser repensada"

Para Vagner Fernandes, fundador do bloco Timoneiros da Viola, a folia carioca precisa de novas regras e outras formas de financiamento

O circo vai ao metrô

Em resposta a casos de repressão violenta a músicos no metrô carioca, produtor cultural sugere ocupar os trens com atividades circenses

A saga de quem faz cultura nas ruas do Rio

Organizadores do Sarau do Escritório mostram como vencer o vilão da burocracia em 11 fases

Mais sobre MCMV

Títulos de impacto social oferecem mecanismos de financiamento para projetos de saúde, redução do desemprego e reincidência de presos

Saudosas malocas

Urbanista Raquel Rolnik discute transformação da habitação, de política social em ativo financeiro, em novo livro lançado no Rio

Apesar da violência, homicídios caem no estado do Rio em 2015, aponta ISP

Dados foram anunciados em seminário que reuniu pesquisadores, gestores e subsecretário de segurança e mostrou importância dos municípios na prevenção da violência

Moradia popular: quantidade x qualidade

Especialistas defendem maior protagonismo do morador ante a relação governo e empreiteira; falta de infraestrutura de serviços é a maior deficiência dos domicílios populares
Realização:
Iets
Patrocínio:
Universeg
Apoio:
Biblioteca Parque Estadual Biblioteca Parque Estadual
 
Licença Creative Commons
Desenvolvido em SPIP pela Calepino